you're reading...

Em Português

BNDESPAR fará oferta pública do Fundo de Índice Carbono Eficiente

A BNDES Participações S/A (BNDESPAR) protocolou na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) pedido de registro para a Oferta Pública de quotas do Fundo ECOO11 — iShares Índice Carbono Eficiente (ICO2) Brasil – Fundo de Índice. A operação, destinada tanto para investidores de varejo quanto para investidores institucionais, será no montante inicial de R$ 1,5 bilhão, podendo ser acrescida em até 35% em razão da demanda.

Os ETFs iShares são fundos de índice cujas cotas são compradas e vendidas como ações na bolsa de valores. São instrumentos de investimento eficazes, que beneficiam o investidor com diversificação instantânea de portfólio, custos mais competitivos e um grau elevado de transparência.

O Fundo será composto pelas ações das empresas pertencentes ao Índice Carbono Eficiente (ICO2) e sua gestão estará a cargo da BlackRock Brasil. A BlackRock, maior gestora independente global de fundos, com mais de US$ 3,5 trilhões em ativos sob gestão, detém mais de 40% de participação no mercado mundial de ETFs e conta agora com sete fundos de índice que levam a marca Ishares no Brasil. A distribuição pública das quotas do ECOO11 será coordenada pelo BB – Banco de Investimentos (Coordenador Líder) e pelo Citigroup Global Markets Brasil, Corretora de Câmbio e Títulos de Valores Mobiliários.

A BNDESPAR oferecerá uma opção de venda aos investidores de varejo que investirem até R$ 25 mil na Oferta Pública. A opção de venda é um mecanismo por meio do qual o investidor de varejo terá a possibilidade de revender suas quotas para a BNDESPAR pelo valor original da Oferta, sem acréscimo de correção monetária e juros, descontados todos os tributos e encargos devidos.

Os investidores poderão exercer a opção no período compreendido entre o 366° dia, inclusive, e o 395º dia, inclusive, seguintes à data de liquidação da oferta. Para garantir o direito de exercício da opção de venda, o investidor não poderá alienar, onerar ou ainda transferir a custódia das quotas do Fundo até o final do período de exercício da opção.

Os investidores de varejo poderão realizar seus investimentos por meio das seguintes categorias de investimento:

1 – Direta, com valor mínimo individual de pedido de investimento de R$ 1 mil e o valor máximo individual de pedido de investimento de R$ 300 mil, e/ou, 2 – Indireta, via fundo de investimentos em ações, com a alternativa da modalidade de investimento com opção de venda e sem opção de venda. O valor mínimo de investimento individual será de R$ 300 e o máximo de R$ 25 mil para as quotas com opção de venda. Para aqueles sem opção de venda, o valor mínimo do aporte individual será de R$ 300 e o máximo de R$ 300 mil.

A Oferta Pública será realizada exclusivamente no Brasil, mas investidores não residentes poderão participar. Para tanto, deverão ter o registro de investidor estrangeiro.

O preço final por quota do Fundo ICO2 será fixado após a conclusão do procedimento de coleta de intenções de investimento, realizado somente com investidores institucionais. O preço de distribuição será determinado tomando-se por base a indicação de interesse dos investidores institucionais e, ainda, a cotação das ações do Índice na data de fechamento do dia útil imediatamente anterior ao procedimento de Bookbuilding (formação de preço).

O Índice Carbono Eficiente – ICO2 foi desenvolvido a partir de uma iniciativa conjunta entre o BNDES e a BM&FBOVESPA e é composto pelas ações das companhias participantes do IbrX-50 que aceitaram participar dessa iniciativa, adotando práticas transparentes com relação às suas emissões de Gases do Efeito Estufa (GEE).

O ICO2 leva em consideração, para ponderação das ações das empresas componentes, seu grau de eficiência de emissões de GEE, medido pela relação entre as emissões e a receita da empresa, além do free float (total de ações em circulação) de cada uma delas.

Fonte: BNDES

Comentários

Nenhum comentários.

Comentar

Newsletter

Banners



Outros Sites

Parceiros