you're reading...

Em Português

Com aporte de R$ 139 milhões, BNDES fica sócio da Padtec

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou ontem aporte de R$ 138,9 milhões na Padtec, empresa especializada em sistemas de comunicações ópticas de elevada complexidade. Desse volume total, R$ 110 milhões serão destinados ao aumento de capital da empresa, por meio da BNDESPar, e R$ 28,9 milhões em financiamento na linha de Inovação do BNDES. O aumento de capital da Padtec atingirá o total de R$ 167 milhões, com a subscrição de ações também pelos demais acionistas, a Ideiasnet e executivos da Padtec.

Segundo o BNDES, o recursos serão destinados ao plano de negócios e ao programa de pesquisa e desenvolvimento da empresa, com foco em novas gerações de produtos, sobretudo no setor de telecomunicações. “Os investimentos da Padtec permitirão a inovação e o desenvolvimento de tecnologia de ponta em uma área de elevada demanda e oferta nacional reduzida”, segundo nota do BNDES. Fabricante latino-americana de equipamentos WDM (Multiplexação por Divisão de Comprimento de Onda), a empresa atua principalmente como fornecedora de equipamentos e sistemas de transmissão de dados.

Com a operação, a BNDESPar passa a integrar o capital da Padtec, com cerca de 20% de participação. Os demais sócios são Ideiasnet, grupo de executivos da Padtec e CpqD – maior acionista. “O objetivo do BNDES é contribuir para a inovação e o fortalecimento da empresa nacional, preparando-a para uma futura abertura de capital”, afirmou a empresa em nota.

Localizada em Campinas (SP), a Padtec conta com 360 empregados, número que poderá passar para 700 após os novos investimentos. Procurado pelo Valor, o diretor comercial da Padtec, Argemiro Sousa, não retornou até o fechamento dessa edição. (Colaborou Daniele Madureira, de São Paulo)

Fonte: Valor Econômico

Comentários

Nenhum comentários.

Comentar

Newsletter

Banners



Outros Sites

Parceiros